Acidente de Loris Baz

A empresa, fabricante do equipamento de proteção que estava equipando o piloto no momento de sua queda, a aproximadamente 290 Km/h, é divulgada.

A Alpinestars com sede em Asolo, Itália, divulga os dados do acidente de piloto Frances, Loris Baz, no qual é piloto da Avintia Racing. O acidente ocorreu durante os testes para a temporada 2016 do MotoGP, onde o pneu traseiro de sua Ducati GP15 estourou, fazendo com que sua Ducati perdesse o controle e consequentemente, cair.

O equipamento que o Baz estava utilizado, captura dados completos, de vários sensores acoplados no seu macacão, e que este também é equipado com AirBag (Tech-Air). Segundo os dados coletados de seu equipamento, a queda ocorreu a 290 Km/h, e o ponto que sofreu mais impacto foi o ombro esquerdo, com impressionante 29,9G de impacto. Para efeito de comparação, essa força é três vezes superior a força sofrida por um piloto de avião caça.

Após 1,9 segundos da perda de controle (por motivo do estouro do pneu), Baz foi lançado para fora de sua Ducati. Quando Baz iniciou “seu vôo”, o AirBag ficou totalmente inflado 60 milissegundos antes do piloto tocar o chão pela primeira vez. Após, Baz ficou “deslizando” no chão por mais 6,6 segundos, sendo que o tempo entre a perda de controle, até a total parada do piloto, demorou 8,5 segundos.

Olhando as imagens do “estado” que ficou o macacão de Baz, da para dizer que cumpriu com a função, foi o “funcionário do mês”, fazendo com que Loris Baz tenha danos mínimos, apenas uma leve contusão no cotovelo.

Bom equipamento, associado a um pouco de sorte, fazem toda a diferença, por isso não economize, compre o melhor equipamento que seu dinheiro possa oferecer.
Fonte: http://www.motorcyclenews.com/

Macacão após o acidente

Dados do acidente